2.6.09

 

Muitos pais permitem que seus filhos vão a uma viagem de finalistas (habitualmente  para fora do País) desde que a escola assuma a responsabilidade Essa parece ser a alternativa mais cuidadosa, no entanto, quem já passou por essa experiência sabe o quão é difícil controlar adolescentes quando estão em grupo.

 
Temos de ter em conta que actualmente a autoridade do professor, quanto muito restringe-se ao enquadramento escolar. Muitos são os professores que nas suas aulas não conseguem construir uma relação de respeito com os alunos, quanto mais de autoridade! Como se espera então que isso aconteça num contexto mais livre, em que os jovens consideram que estão ali para se divertirem e que o professor não tem de interferir nas suas actividades.
 
Esta crise de autoridade a que estamos a assistir, é deveras preocupante.

Nos dias de hoje , não há mais consenso social a respeito do que seja autoridade. Um professor compreende que autoridade é não deixar o aluno permanecer de boné na sala de aula, enquanto que o outro professor o deixa estar de headphones. A crise está instalada.
 
Isso quer dizer que os (poucos) professores que conseguem construir uma relação de respeito com os alunos, sabem que essa relação está circunscrita à sua aula e ao contexto escolar. A partir do momento em que se desfaz essa situação pactuada, a relação de autoridade vai tender a terminar.
 
Numa viagem de lazer, os alunos entendem que já não há relação professor-aluno (de certo modo estão correctos, já que a relação permanece apenas em viagens de estudo) e tendem a não respeitar qualquer regra que lhes seja imposta pelo docente.  
 
Assim, quando um grupo de jovens se reúne, fora do contexto escolar, tudo pode acontecer.  Assistimos então a noticias que nos dão conhecimento de destruição de quartos de hotéis, comas alcoólicos e excessos de toda a ordem.
 
Face a isto, o que há a fazer é, uma vez mais EDUCAR! Educar para a responsabilidade, capacitar para dizer “não” a excessos. E essa educação vem do berço, constrói-se desde tenra idade. Não vamos esperar que um adolescente saiba ser responsável se até aí nunca lhe exigido, não é verdade?
link do postPor psicologiacriancaeadolescente, às 13:52  comentar

De Agencias de Viagens a 25 de Julho de 2009 às 13:28
Se os alunos nunca respeitaram os professores não vai ser na viagem de finalistas que isso vai acontecer. Esses excessos são esperados porque os jovens querem é "viver o momento" e com isso acontecem esses excessos. Cada adulto fez excessos quando era jovem, a responsabilidade ganha-se através das consequências dos nossos erros. Acho que é dificil controlar os jovens quando estão na eurofia da viagem de finalistas e raramente estiveram de viagem ou em ambientes com tanta liberdade!

De voos low cost a 4 de Setembro de 2010 às 12:12
Concordo plenamente!!

 



Espaço onde pode colocar as suas dúvidas acerca dos seus filhos, sejam eles crianças ou adolescentes.
Envie a sua questão
Este consultório online é um espaço onde pode colocar as suas dúvidas no âmbito da Psicologia da Criança e do Adolescente. Este consultório tem um carácter informativo e o acompanhamento médico especializado por parte dos leitores não deve ser descuidado.

E-mail: tp_marques@sapo.pt
Drª Teresa Paula Marques
Licenciada em Psicologia Clínica (ISPA), Mestre em Psicopatologia e Psicologia Clínica (ISPA), Pós-graduada em Avaliação Psicológica em Contexto Escolar (FPCEUL), Psicoterapeuta Breve (SPPB), Doutoranda em Psicologia da Educação (FPCEUL).
Exerce Psicologia Clínica há quase duas décadas.

Actualmente é responsável pelo Serviço de Psicologia de um Externato em Lisboa e docente da cadeira de Psicologia do Desenvolvimento na Escola Superior de Saúde da Cruz Vermelha Portuguesa, no curso de Enfermagem.
Paralelamente atende crianças e adolescentes no consultório privado e é autora de 4 livros sobre Psicologia Infantil e do Adolescente. Já foi psicóloga residente em programas de televisão e mantém colaborações regulares com diversos jornais e revistas.
Actualmente responsável pelo consultório "FILHOS" na revista TvMais (periodicidade quinzenal)

Para saber locais de consultório aceda ao site: www.teresapaulamarques.com blog : http://teresapaulamarques.zip.net
blogs SAPO